Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Beaf - Biblioteca Escolar António Ferraz

"Ler engrandece a alma!" [Voltaire]

Beaf - Biblioteca Escolar António Ferraz

"Ler engrandece a alma!" [Voltaire]

"Enconto com..." Rui Basto

.RuiSousa Basto nasceu em 61 do século passado. Na fase da juventude os seus gostosliterários eram: Sartre, Boris Vian, Pessoa, Almada, Eça, Cesário Verde,Hemingway, Garcia Marquez, Huxley, Thomas Mann, Kerouac, Orwell, Kafka, Camus,Neruda, Hermann Hess e quejandos. Na área da música as sua
preferênciascentravam-se no jazz e sucedâneos, mas também o rock sinfónico de Gentle Giant,King Crimson, Genesis, além de Bossa Nova e das canções de intervenção políticado Sérgio, Zeca e do resto da malta. Aprecia Beethoven, Mozart, Bach e demaiscompositores do necrotério da música erudita. Diz ser português de gema eguarda uma nostalgia sebastianista do Portugal de Quinhentos, lamentandoprofundamente não ter nascido no tempo das páginas dos Lusíadas. Formou-se emEngenharia Química, depois em Engenharia e Gestão Industrial e, mais tarde,tirou uma Pós-graduação em Gestão de Empresas. Adora a escrita tendo publicado,“Contos do Efémero” uma coletânea de microcontos, (Opera Omnia, 2011)e"Labirintos" (Calígrafo, 2011). Neste encontro, com alunos da EscolaSec/3 de Barcelinhos, falou-se da importância dos livros e da leitura, dando-seprincipal destaque aos livros do escritor. Os alunos leram alguns dos seuscontos e poemas. O escritor Barcelense deixou no ar a promessa de, em breve,voltar para apresentar o seu próximo trabalho.


 

"Enconto com..." Rui Basto

.RuiSousa Basto nasceu em 61 do século passado. Na fase da juventude os seus gostosliterários eram: Sartre, Boris Vian, Pessoa, Almada, Eça, Cesário Verde,Hemingway, Garcia Marquez, Huxley, Thomas Mann, Kerouac, Orwell, Kafka, Camus,Neruda, Hermann Hess e quejandos. Na área da música as sua
preferênciascentravam-se no jazz e sucedâneos, mas também o rock sinfónico de Gentle Giant,King Crimson, Genesis, além de Bossa Nova e das canções de intervenção políticado Sérgio, Zeca e do resto da malta. Aprecia Beethoven, Mozart, Bach e demaiscompositores do necrotério da música erudita. Diz ser português de gema eguarda uma nostalgia sebastianista do Portugal de Quinhentos, lamentandoprofundamente não ter nascido no tempo das páginas dos Lusíadas. Formou-se emEngenharia Química, depois em Engenharia e Gestão Industrial e, mais tarde,tirou uma Pós-graduação em Gestão de Empresas. Adora a escrita tendo publicado,“Contos do Efémero” uma coletânea de microcontos, (Opera Omnia, 2011)e"Labirintos" (Calígrafo, 2011). Neste encontro, com alunos da EscolaSec/3 de Barcelinhos, falou-se da importância dos livros e da leitura, dando-seprincipal destaque aos livros do escritor. Os alunos leram alguns dos seuscontos e poemas. O escritor Barcelense deixou no ar a promessa de, em breve,voltar para apresentar o seu próximo trabalho.