Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Beaf - Biblioteca Escolar António Ferraz

"Ler engrandece a alma!" [Voltaire]

Beaf - Biblioteca Escolar António Ferraz

"Ler engrandece a alma!" [Voltaire]

Diários de Escrita, por Maria do Rosário, 11º C


A cor
Oque seríamos nós sem a cor? Um mundo a preto e branco, onde o sol não brilharia,onde o tão tímido e significativo corar de vergonha deixaria de existir.
Acor é formada e, sem dúvida, representa os nossos sentimentos, o nossointerior.
Apaixão é representada pelo vermelho, o preto representa a morte e a solidão, obranco ilude-nos na sensação de pureza profunda, e o verde, esse, essebalança-nos no sentimento da esperança. Todos os sentimentos, ali, espalhadosao nosso redor e que nos podem dizer tanto sobre o interior das pessoas…
Osolhos representam a segunda parte de todo este plano colorido, de toda a telapreenchida. Sem cor, porque necessitávamos nós de olhos? Para não nos“esbarrarmos” contra os objetos? Na verdade, olhos, possuímos e bater contra omuro é algo que continuamos a fazer diariamente, por isso não pode ser o seuverdadeiro significado.
Osolhos são os recetores das cores que nos rodeiam, são o órgão que mais consegueler o interior das pessoas, pois eles conseguem ver a cor que irradia de dentrode nós. São estas pequenas lupas que detetam a verdadeira intenção da cor.
Semcor, sentimentos nunca seriam desvendados. As paixões cairiam em rotina pois arosa vermelha seria mais um objeto neutro. O sorriso brilhante não existiria,visto que no meio de tanta igualdade seria algo outra vez branco. O mardeixaria de transmitir paz, e o nosso interior não seria nem positivo nemnegativo, limitados pela tela onde não existem pinceis.
Assim,deixo um aviso - às vezes, existem cores misturadas, cores que nos enganam eque nos levam ao erro, a cair, a andar no fundo. Contudo, o fundo dá-nos aideia do alto e lá sabemos que as cores são a verdade e a alegria de viver.

Diários de Escrita, por Maria do Rosário, 11º C


A cor
Oque seríamos nós sem a cor? Um mundo a preto e branco, onde o sol não brilharia,onde o tão tímido e significativo corar de vergonha deixaria de existir.
Acor é formada e, sem dúvida, representa os nossos sentimentos, o nossointerior.
Apaixão é representada pelo vermelho, o preto representa a morte e a solidão, obranco ilude-nos na sensação de pureza profunda, e o verde, esse, essebalança-nos no sentimento da esperança. Todos os sentimentos, ali, espalhadosao nosso redor e que nos podem dizer tanto sobre o interior das pessoas…
Osolhos representam a segunda parte de todo este plano colorido, de toda a telapreenchida. Sem cor, porque necessitávamos nós de olhos? Para não nos“esbarrarmos” contra os objetos? Na verdade, olhos, possuímos e bater contra omuro é algo que continuamos a fazer diariamente, por isso não pode ser o seuverdadeiro significado.
Osolhos são os recetores das cores que nos rodeiam, são o órgão que mais consegueler o interior das pessoas, pois eles conseguem ver a cor que irradia de dentrode nós. São estas pequenas lupas que detetam a verdadeira intenção da cor.
Semcor, sentimentos nunca seriam desvendados. As paixões cairiam em rotina pois arosa vermelha seria mais um objeto neutro. O sorriso brilhante não existiria,visto que no meio de tanta igualdade seria algo outra vez branco. O mardeixaria de transmitir paz, e o nosso interior não seria nem positivo nemnegativo, limitados pela tela onde não existem pinceis.
Assim,deixo um aviso - às vezes, existem cores misturadas, cores que nos enganam eque nos levam ao erro, a cair, a andar no fundo. Contudo, o fundo dá-nos aideia do alto e lá sabemos que as cores são a verdade e a alegria de viver.

Pág. 3/3